Seguidores

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Quietude...by Dany

Eu sempre quis ser o mar revolto com ondas gigantes...
Hoje me alegro em ser um lago parado 
onde o reflexo de sua água
espelha o meu rosto quieto e calmo!

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Quem me dera...eu e você agora? by Dany

Que saudade dos seus olhos...
O seu olhar são dois diamantes de brilho intenso 
e quando se encontram com os meus olhos,
iluminam a minha vida, o meu dia!

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Venha Pelos Montes...by Dany

Venha pelos montes, 
para onde a fantasia é livre
E permaneça onde os picos tocam o céu 
e as rochas encontram o mar
Onde os rios correm livres 
e a água é dourada no sol
E as preocupações de amanhã 
devem esperar até esse dia acabar

domingo, 8 de janeiro de 2012

Oh, terra ingrata! By Dany Janete Sales

Oh terra ingrata!
Se a semente dentro de ti cresce...
Porque você cobriu o meu amor e ele não floresce?
Embaixo do solo a semente germina
e cresce um broto e nasce uma flor!
Você cobriu alguém que eu amo; o meu maior valor!
Faz um milagre agora e dissemina com a minha dor!

Criança viva...By Dany

Eu já fui criança um dia!
Risada liberta e pura alegria!
A alma leve de quem não tem preocupação
Já tive solta a minha  liberdade de expressão

sábado, 7 de janeiro de 2012

O que antes eu nunca me permiti...by Dany


Algo briga dentro de mim...
Esta que está aqui é outra, sem barreiras,
meio louca...mas tão viva!
O que é certo, o que é errado?
Penso que o certo é o que não faz doer,
em mim, em você!
Nunca me senti assim, sem controle,
sem sossego, mas tão eu!


O que vejo como certo hoje,
destrói o meu passado

Você já falou, “E SE EU” hoje? By Dany

 
Todos nós estamos vivos e temos problemas!
Mas alguns são um muro a atrapalhar nosso caminho
A solução está bem ali quase que de frente, mas parece que não nos damos conta!

Ódio gratuito...by Dany

Sonhador...by Dany


Contemplando pela janela o mundo afora
Desejando saber se a mãe terra sobreviverá
Esperando que a humanidade parasse 
de abusar dela alguma vez

Uma flor num campo...by Dany





Richard Clayderman - Flowers Flowers Flowers

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Mãos certas...by Dany

Hoje a poesia escapou da minha mão
Eu tentei buscá-la dentro do meu coração, 
mas foi em vão
Ficou em minha mente vagueando
e não se concretizou
É trágico porque nesta manhã,  
eu não sei  dizer nem quem eu sou!

Uma miragem...by Dany

Eu voltei novamente naquele lugar,
aonde nós dois nos vimos da ultima vez
Eu sabia que você não estaria lá;
esta não foi uma atitude de sensatez
É claro que eu não lhe encontrei,
mas eu lhe vi como se fosse uma miragem
Que de longe se aproximava de mim,
florindo as ruas e trazendo cores a paisagem!

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Manhã de escuridão em mim...by Dany


Manhã de escuridão em mim
Tristeza que chega e não tem fim
Eu me isolo e choro
Um lamento escondido
Na frente dos outros eu me calo;
o meu gemido é contido

domingo, 1 de janeiro de 2012

Imaginação infantil...by Dany


E hoje não sou mais criança, porém bem que eu gostaria que alguns fatos que acontecem atualmente fossem o sonho de um gigante, infelizmente eu não posso ter a alegria de ver a fome, o ódio, o terrorismo e as injustiças desaparecem porque é a mais cruel e pura realidade!