Seguidores

terça-feira, 19 de maio de 2015

Morro hoje...



Se eu morrer não me acorde deste pesadelo
Deixe que eu fique sentindo o meu gelo
Quero viver a minha morte com coragem
Voltarei mais forte desta estranha viagem

 
Uma ausência que não agasalha com terra...
É como se eu enfrentasse a minha guerra
Tenho que morrer às vezes para renascer
Tenho que viver morrendo para crescer

 
Já morri no domingo de sol e de alegria
Já morri em dias em que a primavera nascia
Já morri quando muitos se esqueceram de mim
Foram muitas ás vezes em que eu senti o meu fim...

 
Morro hoje e com certeza amanhã de novo...
Uns percebem, e outros, eu nem comovo!
Por que calar a tormenta da minha morte?
Foi ela que no decorrer da vida me fez forte...

 

Morro e depois disto celebro este esplendor
Que eu morra nesta imensa busca de amor
Que eu sinta as mudanças que isto traz
Morrer em vida é ir ao encontro da paz...
                                     Janete Sales Dany

T5247847
Licença Creative Commons
O trabalho Morro hoje... de Janete Sales Dany está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Usei os programas gratuitos
 Gimp e PhotoScape 
para fazer as animações

Nenhum comentário:

Postar um comentário