Seguidores

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Amor Incondicional - Soneto Decassílabo Heroico



Oh Mãezinha que não mede cuidados
Deus está vendo seu modo de amar
Pois sempre esconde seus olhos molhados
Vê o filho enfermo! Vive num clamar...

Sei dos seus braços como estão cansados
Porém este amor não vai fraquejar
Os anjos do céu são todos soldados
Que nosso Deus pôs em seu caminhar 

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Soneto Trono da Mentira - Decassílabo Heróico


A manhã vem e tudo permanece
Quando dormi pensei que acabaria
O horizonte consome minha prece
O sol pujante tem ar de ironia

Verdade que me alcança e me entristece
Desnudo minha dor nesta poesia
Vejo o estulto que tanto se engrandece
Mas falece na própria tirania

sábado, 17 de setembro de 2016

Domingos Montagner - Acróstico em homenagem




D❤Domingos Montagner o seu sorriso reluz na eternidade
O❤O mundo artístico sente falta da sua claridade
M❤Muita alegria oferecia com a amável presença
I❤Ilustre em cada atuação e fazia a diferença
N❤No coração do brasileiro cravou o amor
G❤Gente que agora chora de dor
O❤Onde estiver sentirá esta energia
S
Se foi, mas é eterno como uma linda poesia

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Santa Sara Kali - Informações


Que Santa Sara Kali 
traga muita luz para sua vida. 

Um viver com paz, amor e saúde!
 Optchá! Amém!


Devemos observar o nome “Santa Sara Kali”, nele a palavra Kali quer indicar negra em hebraico. Por esta razão as estátuas feitas em devoção a esta santa são de uma mulher de pele negra ou mulata.
Santa Sara Kali , é protetora do Povo Cigano (dos Roma) e de todos que creem nela.
Dos aflitos, dos perseguidos, dos exilados e do bom parto “mulheres que desejam engravidar.”

Alguns esclarecimentos encontrados na Wikipédia, na qual deixo no final um link para que sejam dados os créditos devidos:

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Mar de Candura - Soneto Decassílabo Heroico


Nunca disse algo para me absolver
Sempre fui lago calmo de doçura
Sei do insulto, mas não vou devolver... 
Sou paz, eu sou dilúvio de ternura!

Vozes de ódio só fazem ofender
Da minha boca flui mar de candura
O pensamento só quer florescer
Sei que fuxico é falta de bravura

Conversas doces são mimos de flores
Em vez de desafeto oferto amores
Admito que é difícil ser assim 

Mas se revido arraso todo amor
Emudeço, não quero causar dor!
Entrego a Deus o que falam de mim

Janete Sales Dany
Poema@protegido por lei
T5756011
09/09/2016
São Paulo - Brasil

Licença Creative Commons

O trabalho Mar de Candura - Soneto Decassílabo Heroico de Janete Sales Dany está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.




SANTA SARA KALI - Azul do céu. Azul do mar.


Azul do céu. Azul do mar.
Azul é o manto que vou ofertar
É fase de lua cheia e começo a rezar
Santa Sara kali vai abençoar...
A água cristalina que está no altar!